Pensamentos Cotidianos, por André L C Ferreira


Sobre as dedicatórias

Saudações,

Depois de alguns meses postando textos nesta página, notei que o texto mais visitado até hoje é aquele que escrevi sobre o livro que dei de presente a minha noiva e que foi furtado, cujo tema era a dedicatória que eu havia escrito nele e a pouca importância que as pessoas dão a estas coisas. Pensando neste grande número de visitas, resolvi escrever um pouco sobre as dedicatórias de presentes, livros, em especial, e dar algumas dicas sobre como produzir algumas boas linhas para dar um toque personalizado e sentimental ao presentear alguém.

Em minha opinião, noventa porcento do que está escrito em uma dedicatória está presente no que se pensa ou sente sobre a pessoa a quem se destina o agrado. Por exemplo, quando se compra um livro que uma pessoa próxima quer e você sabe que é por determinado motivo que a pessoa o quer. Este é um dos motes para uma boa dedicatória, explorar o que o presente pode significar para quem o irá receber. Uma outra boa maneira de buscar inspiração é quando damos a alguma pessoa um artigo que nós mesmos já usufruímos e que gostamos tanto que pensamos que tal pessoa deva ter o mesmo prazer também.  Interesses comuns são ótimas inspirações para escrever bons textos. A tentativa de levar alegria à pessoa que receberá o presente também. São exemplos muito interessantes de motivação. Lembre-se de que o que será ofertado será um símbolo de seu sentimento por quem receberá o presente.

Enumerarei algumas boas fontes de inspiração para produção de dedicatórias e as recomendações para qual tipo de presente se encaixa melhor o texto.

1. A recomendação de algo que foi útil ou que trouxe prazer (não importa o grau ou o tipo) para você e você quer que a pessoa experimente o mesmo – bom para CDs, DVDs, Livros, Perfumes e artigos pessoais – tanto para pessoas próximas quanto para apenas colegas ou conhecidos. Ex.:

Fulano(a),

Este … (coloque o nome do que está sendo oferecido) me trouxe experiências maravilhosas … (pode-se dizer algo pessoal, como o que mudou ou por que você quis o artigo) e gostaria de compartilhar contigo isto. Espero que todas as realizações … (ou outras coisas boas que o artigo tenha te proporcionado) que você deseja aconteçam e que você seja muito feliz.

Sinceramente,

XXXXX

2. O presente é algo que a pessoa queria e você sabe o quanto ela queria recebê-lo, inclusive o significado que o presente terá para a pessoa, pode ser qualquer tipo de artigo, desde roupas ou jóias, até mesmo uma agenda, não importa, é algo que terá muito valor para o presenteado. Ex.:

 Minha querida Fulana,

Feliz … (coloque a ocasião ou motivo), que possamos comemorar muitos outros … ( o mesmo que foi colocado antes). Desejo que este presente (ou coloque o nome do que está sendo dado) te faça muito feliz, te traga alegria, a mesma que tenho em poder dar a você este presente.

(Acrescente algo pessoal, que reflita seus sentimentos pela pessoa ou algo particular que você saiba sobre ela e que seja interessante mostrar)

(despeça-se da forma coloquial, como você faria verbalmente)

Fulano.

3. Se o presente for algo de uso cotidiano, que será aplicado no trabalho, estudo, em casa, mas que será para o dia-a-dia da pessoa, seja honesto e diga realmente o motivo pelo qual você está oferecendo o objeto para ela. Diga se for para facilitar a vida dela, se for para suprir algo que acabou, se for um prêmio, dia o motivo da premiação etc.

4. Seja sempre sincero. Revelar seu pensamento e seu sentimento ao dar algo significativo para alguém sempre aumenta a proximidade com a pessoa, além de fazer muito bem ao ego dela saber que o presente tem significado tanto para ela quanto para você.

5. Se escrever não é o seu forte, apenas coloque em palavras o que você diria a ela. Mesmo de forma coloquial, seja informal ou não, diga o que gostaria de dizer de verdade. Os únicos cuidados que você deve ter são com a sua letra, pois, de que adianta você estar inspirado para escrever e na hora da pessoa ler ela terá a impressão de estar lendo uma receita de médico? Capriche na caligrafia. IMPORTANTE: Nunca faça uma dedicatória no computador e imprima. Isto mata qualquer tentativa de personalizar o presente. Faço exceção se for um poema, texto ou letra de música. Mas sempre escreva algo manuscrito para dar um toque pessoal ao negócio. O segundo cuidado é com a ortografia. Fique esperto com o que você escreve. Não use linguagem de Internet, ou seja, tente não abreviar as palavras ou suprimir letras. A não ser que você queira que a pessoa pense que seus sentimentos são abreviados ou, pior, que você tem preguiça de escrever uma dedicatória!! Leia o que você escreveu e tente fazer um rascunho. Se for usar palavras difíceis, tenha a certeza de saber escrevê-las direito. Nada pior do que ler uma dedicatória com palavras erradas ou que possam causar ambigüidade (duplo sentido), a não ser que seu objetivo seja este mesmo.

Bom, era isso. Se eu me lembrar de algo mais, coloco outro post aqui com os extras. Espero poder ajudar com este texto e dar uma luz para quem tem dificuldades em produzir dedicatórias inspiradas ou, simplesmente, colocar no papel o que pensa em dizer para a pessoa querida.

Até o próximo texto,

About these ads

13 Respostas to 'Sobre as dedicatórias'

Subscribe to comments with RSS ou TrackBack to 'Sobre as dedicatórias'.

  1. Walewska said,

    Muito interessante esse seu post!
    Está de parabéns!

  2. jana said,

    Ola
    adorei suas dicas de dedicatórias para presentes, no entanto, gostaria de algo mais profundo. Comprei o livro O Vendedor de Sonhos”, e após lê-lo, quero dar de presente para um ex namorado. Achei, até o momento, um dos melhores que já li, gostaria de compartilhar essa emoção c ele. Namoramos 5 anos e há 3 meses acabamos. Queria uma coisa que tocasse o coração. O que escrevo? me ajuda, por favor. estou sem inspiração alguma
    obrigada
    EU

  3. nicole said,

    oi, muito interessantes suas dicas!
    voce aconselha usar frases prontas ( cecilia meireles, vou colocar o nome da autora) ?

  4. Evelyn said,

    rsrsrs… Parece até que vc fez esse texto em resposta ao meu comentário no outro texto!!! rsrsrs…
    Então… Eu até ou mto boa em escrever no sentido botar sentimentos e pensamentos pra fora, pra uma pessoa, mas pensei que pudesse ter mais idéias lendo outras coisas e tal…
    Gostei desse texto pq vc até exemplifica e tals… Muito legal…

    Continue escrevendo, vou passar a visitar sempre ^^

    Beijinhos!!

  5. carolina z. said,

    Adorei o artigo. Muito Bom!

    Simples e Prático!

    Parabéns!

  6. Janaina said,

    Muito boa sua dica de como fazer dedicatorias…

  7. Ariane said,

    Queria mt ler o texto que vc fala no livro q deu de presente pra sua noiva…Qual o titúlo do texto pra eu poder procurar e ler??
    Grata.
    Bjos

  8. Mayra said,

    Parabéns e Obrigada….me ajudou muito!

  9. Seu Chará said,

    Olá Chará,

    Eu adoro escrever, mas fazer uma dedicatória sempre me deixa confuso, tenho tantas idéias e quero escrever tanto… Que dessisto de fazê-la. Seu artigo me ajudou muito.

    Obrigado,

    André Luis Azevedo


  10. [...] Sobre as dedicatórias maio, 2008 9 comentários 3 [...]

  11. Ester said,

    olá! gostaria de uma sugestão para uma dedicatória de um livro para uma pessoa que esta num momento de superação cujo livro vai ajuda-lo a refletir sobre novos caminhos a serem seguidos em sua vida!

  12. Stephanie said,

    Ótimo artigo, meus parabéns!

    • andre1979 said,

      Obrigado!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: