Pensamentos Cotidianos, por André L C Ferreira


Carreira Sexagenária

Posted in Uncategorized por andre1979 em outubro 20, 2009
Tags: , ,

Uma figura importante no cenário cultural brasileiro, Lima Duarte ganha homenagem por sua longa carreira, que faz aniversário

Completando 60 anos de carreira cinematográfica, Ariclenes Venâncio Martins, mais conhecido como Lima Duarte, viveu personagens marcantes em mais de 30 produções levadas ao cinema. Em sua longa jornada profissional, Lima Duarte já ocupou o posto de ator, diretor e até de dublador. Seu primeiro filme foi Quase no Céu, de 1949, dirigido por Oduvaldo Vianna. Daí para a frente, ele não parou mais. Mesclando grandes papéis na televisão e no cinema, Duarte construiu um sólido legado na cultura brasileira. Entre os diversos prêmios que acumulou nestes 60 anos, pode-se destacar as seis vezes em que foi reconhecido como melhor ator pela Associação dos Críticos de Arte de São Paulo. Também ganhou o troféu de melhor ator no Festival de Havana, em 1983, como o protagonista de Sargento Getúlio – papel que também o deu o Kikito dourado em Gramado no mesmo ano.

Celebrando tão importante momento, foi realizado em São Paulo um ciclo de exibição com 32 filmes de Duarte, que aconteceu no Centro Cultural Banco do Brasil entre os dias 28 de julho e 2 de agosto. No embalo, VER VIDEO preparou uma relação com os filmes que contam com a participação de Lima Duarte e que estão disponíveis no mercado do home entertaiment nacional. Confira!

Os filmes de Lima Duarte: O Sobrado (1952, Amazonas Filmes) – Paixão de Gaúcho (1957, Amazonas Filmes) – Guerra Conjugal (1974, VideoFilmes) – Lua Cheia (1989, Sony) – A Ostra e o Vento (1997, Som Livre) – Boleiros – Era Uma Vez o Futebol (1997, Paris Filmes) – Eu Tu Eles (2000, Sony) – O Auto da Compadecida (2000, Sony) – O Preço da Paz (2003, Riofilme) – Espelho Mágico (2005, Paris Filmes) – Depois Daquele Baile (2005, VideoFilmes) – 2 Filhos de Francisco (2005, Sony) – Boleiros 2 – Vencedores e Vencidos (2006, Paris Filmes) – A Ilha do Terrível Rapaterra (2006, California Filmes)

Nota publicada na edição 194 da revista Ver Video (setembro, 2009).

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: