Pensamentos Cotidianos, por André L C Ferreira


Símbolo de mudança

Há vinte anos vinha abaixo um dos maiores monumentos que representavam um triste período da História recente da humanidade. O Muro de Berlim se foi e não deixou saudades


A Segunda Guerra Mundial devastou a Alemanha. Sobre os escombros da cidade e de sua população, os países vencedores do conflito dividiram a capital germânica em duas partes, sendo que os capitalistas EUA, França e Inglaterra ficaram com o lado Ocidental e a socialista ex-União Soviética levou a parte Oriental. Com dois regimes de governo totalmente distintos, o povo também se viu em uma situação dramática. Durante a madrugada do dia 13 de agosto de 1961, o governo comunista ergueu um muro com mais de 60 quilômetros de extensão, separando os dois lados da cidade e deixando famílias e amigos – e a cultura de um povo – divididos. A volta da paz aconteceu em 9 de novembro de 1989, quando já era mais possível conter a quantidade de pessoas que queria sair da miséria do lado Oriental e buscar uma vida melhor no Ocidente da cidade. O estopim da queda foi um evento mal-sucedido realizado pelo governo socialista, noticiando a abertura dos portões para o livre trânsito entre as duas partes de Berlim. A confusão começou quando os militares que guardavam a divisa foram abordados por milhares de pessoas e eles não sabiam da notícia, impedindo a passagem de todos. Com a força da multidão, o “Berliner Mauer” desceu e colocou fim à separação de mais de 28 anos da capital alemã.

As comemorações de tão importante aniversário, celebrado por mais de 100 mil pessoas em um grande evento que, mesmo sob chuvas, não parou por um momento. Com apresentações musicais e discursos de autoridades políticas, o show mostrou o quanto o povo valoriza sua liberdade. Aproveitando o momento, Ver Video separou alguns filmes que têm como cenário o Muro de Berlim e o momento tenso pelo qual os alemães passaram em seu período pós-Segunda Guerra Mundial. Também separamos algumas produções que falam sobre a Guerra Fria, conflito que serviu de motivação para tal separação. Não deixe de ver! (A. Cavallini)

Cicatriz na cidade deixada no local em que o Muro foi erguido. É passado...

Para saber mais sobre o assunto…

…Filmes sobre a vida na Europa na época em que existia o muro e sobre a Guerra Fria, não perca!

A Vida dos Outros (Europa): Durante os anos 80, o Ministro da Cultura acaba se interessando por uma atriz popular que é casada com um importante intelectual. Logo, o político os acusa de serem contrários às idéias comunistas propagadas pelo governo e um agente do serviço secreto é escolhido para observar o suposto casal de traidores. O enviado acaba se envolvendo com a vida deles e a descobre cada vez mais interessante.

Adeus, Lênin! (Sony): Na Europa dos anos 80, Christiane Kerner, uma militante humanista criada na Berlim Oriental, ainda teima em defender o socialismo apesar de hoje viver do outro lado do muro, literalmente. Uma agressão a leva ao estado de coma e assim fica Christiane por vários anos. Quando recupera a consciência, o muro de Berlim já caíra e a realidade de sua cidade e de todo o continente mudaram sensivelmente. Os médicos acham melhor poupá-la do choque com as “novidades” e seu filho, Alex, não mede esforços para dar à mãe a impressão de que tudo estava igual como era antes do coma. Ele providencia desde produtos de consumo típicos da Alemanha Oriental até uma encenação para suavizar o impacto.

Um Amor Além do Muro (Art Filmes): Verão de 1961, quatro meses antes da construção do Muro de Berlim. Siggi, um jovem de 20 anos, chega a Dresden para tentar a vida como cenógrafo. Lá conhece Luise, uma jovem escritora cujo trabalho é proibido na Alemanha Oriental, e seu marido Wolle. Juntos eles conhecem a boate A Cacatua Vermelha, onde são apresentados à música proibida do ocidente: o rock’n’roll.

K-19: The Widowmaker (Universal): Em 1961, os soviéticos lançam ao mar o seu primeiro submarino nuclear, o K-19, na esperança de fazer frente ao poderio atômico americano, já estabelecido nas redondezas de Moscou e Leningrado. Além de ter sido acabado às pressas, o submarino encara uma rixa entre o capitão Polenin, que montou a tripulação, e o capitão Vostrikov, que alcançará proporções perigosas em alto-mar, quando o K-19 será levado aos seus limites. Um vazamento no reator da embarcação, porém, colocará todos em perigo e deixará as diferenças entre os capitães mais vivas do que nunca. Baseado em fatos reais.

Treze Dias que Abalaram o Mundo (Europa): O mundo inteiro correu um sério risco durante 13 dias do mês de outubro de 1962, quando os EUA estiveram bem próximos de declarar guerra à extinta URSS, que tinha mísseis em Cuba. Durante esse breve, porém intenso período, o presidente John Kennedy, seus assessores e o serviço de inteligência não descansaram um só segundo antes de tentar debelar esse impasse político que poderia convergir na III Guerra Mundial.

Jogos do Poder (Universal): Filme surpreendente e político, baseado na história real de um congressista norte-americano que negocia uma aliança com o Afeganistão durante a invasão soviética ao país nos anos 80. Para tanto, escalou um elenco de estrelas que conta com Tom Hanks no papel principal, e ainda Julia Roberts e Philip Seymour Hoffman. Tom é Charlie, um político mulherengo e polêmico que, apesar de eleito varias vezes para o cargo, não tem grande relevância no cenário geral. Quando os russos entram no Afeganistão, com a ajuda de uma mulher e um agente da CIA, ele começa a tomar a frente em uma negociação que depois teria graves consequências.

O Sol da Meia-Noite (Sony): Nikolai Rochenco, um bailarino russo que abandonou o lado oriental da Alemanha há oito anos, está em um avião sobrevoando a Rússia quando uma pane faz com que a aeronave tenha que pousar. A KGB leva Nikolai e avisa que o bailarino está muito ferido e por isso deverá ficar sob custódia deles. Na verdade, a KGB quer que ele fique no país. Para manter o rapaz sob controle, o governo coloca Raymond Greenwood, um norte-americano que vive na escondido Rússia, para vigiar Nikolai. Determinado a escapar, Nikolai conta com sua ex-amante para ajudá-lo a avisar os EUA sobre sua situação. Acuado, Raymond precisa decidir se ajuda o russo ou se o entrega para as autoridades.

A Casa da Rússia (Fox): O inglês expatriado Bartholomew Scott Blair nunca imaginou que seu talento como editor poderia ser útil à Inteligência Britânica, que o “recrutou” para verificar a autenticidade de segredos militares contidos em três notebooks. Apesar de ser fluente em russo e estar acostumado ao modo de vida do país, Blair reage muito mal à autoridade. Com a ajuda de Katya Orlova, ele descobrirá que se envolveu numa trama mais intrincada do que pintam.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: